Carl Jung

Carl Jung
Carl Jung

Tenho visto as pessoas tornarem-se frequentemente neuróticas quando se contentam com respostas erradas ou inadequadas para as questões da vida. Elas buscam posição, casamento, reputação, sucesso externo ou dinheiro, e continuam infelizes e neuróticas mesmo depois de terem alcançado aquilo que tinham buscado. Essas pessoas encontram-se em geral confinadas a horizontes espirituais muito limitados. Sua vida não tem conteúdo ou significado suficientes. Se tem condições para ampliar e desenvolver personalidades mais abrangentes sua neurose costuma desaparecer.


Erros são, no final das contas, fundamentos da verdade. Se um homem não sabe o que uma coisa é, já é um avanço do conhecimento saber o que ela não é.

Onde o amor impera, não há desejo de poder; e onde o poder predomina, há falta de amor. Um é a sombra do outro.

Todos nós nascemos originais e morremos cópias.

Quem olha para fora sonha, quem olha para dentro desperta.

Uns sapatos que ficam bem numa pessoa são pequenos para uma outra; não existe uma receita para a vida que sirva para todos.

O ego é dotado de um poder, de uma força criativa, conquista tardia da humanidade, a que chamamos vontade.

Os sonhos são as manifestações não falsificadas da atividade criativa inconsciente.

O encontro de duas personalidades assemelha-se ao contatode duas substâncias químicas: se alguma reação ocorre, ambos sofrem uma transformação.

Aquilo a que você resiste, persiste.

Tudo depende de como vemos as coisas e não de como elas são.

Sua visão se tornará clara somente quando você olhar para dentro do seu coração.

Sonhos são realizações de desejos ocultos e são ferramenta que busca equilíbrio pela compensação. É o meio de comunicação do inconsciente com o consciente.

Nós precisamos entender melhor a natureza humana, porque o único perigo real que realmente existe é o próprio homem.

A criação de algo novo é consumado pelo intelecto, mas despertado pelo instinto de uma necessidade pessoal. A mente criativa age sobre algo que ela ama.

Há quem diga que são os sonhos dos homens que sustentam o mundo na sua órbita.

O homem que não atravessa o inferno de suas paixões também não as supera.

Conheça todas as teorias, domine todas as técnicas, mas ao tocar uma alma humana, seja apenas outra alma humana.

O sofrimento precisa ser superado, e o único meio de superá-lo é suportando-o.

Ser normal é a meta dos fracassados!

Só aquilo que somos realmente tem o poder de curar-nos.

Aquilo que na vida tem sentido, mesmo sendo qualquer coisa de mínimo, prima sobre algo de grande, porém isento de sentido.

Tudo aquilo que não enfrentamos em vida acaba se tornando o nosso destino.

Onde acaba o amor tem início o poder, a violência e o terror.

Que insensato eu fui! Como me esforcei para forçar todas as coisas a harmonizarem-se com o que eu pensava que devia ser...

Até onde conseguimos discenir, o único propósito da existência humana é acender uma luz na escuridão da mera existência.

Toda a gente tem o seu lado obscuro que - desde que tudo corra bem - é preferível não conhecer.

Dentro de cada um de nós há um outro que não conhecemos. Ele fala conosco por meio dos sonhos.

Carl Jung
Carl Jung

Não preciso ‘acreditar’ em Deus; eu sei que ele existe.

A felicidade perderia seu significado se ela não fosse equilibrada pela tristeza.

Quando pensamos, fazêmo-lo com o fim de julgar ou chegar a uma conclusão; quando sentimos, é para atribuir um valor pessoal a qualquer coisa que fazemos.


Postar um comentário

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...