Jean Paul Sarte


Cada homem deve descobrir o seu próprio caminho.

frases, pensamentos, Jean Paul Sarte
Jean Paul Sarte

A fingida caridade do rico não passa, da sua parte de mais um luxo, ele alimenta os pobres como cães e cavalos.

O homem não é nada mais do que aquilo que faz a si próprio.

O homem tem de poder escolher a vida em todas as circunstâncias.


Nunca julgamos aqueles a quem amamos.

Um homem não pode ser mais homem do que os outros, porque a liberdade é igualmente infinita em todos.

Um amor, uma carreira, uma revolução: Outras tantas coisas que se começam sem saber como acabarão.

O conceito de inimigo não é completamente certo e claro, a não ser que o inimigo esteja separado de nós por uma barreira de fogo.

O homem tem de se inventar todos os dias.

Não fazemos aquilo que queremos e, no entanto, somos responsáveis por aquilo que somos.

O homem deve ser inventado a cada dia.

Falamos na nossa própria língua e escrevemos numa língua estrangeira.

Um homem não pode ser mais homem do que os outros, porque a liberdade é semelhantemente infinita em cada um.

O mal só pode ser vencido por outro mal.

O homem não é a soma do que tem, mas a totalidade do que ainda não tem, do que poderia ter.

A violência faz-se passar sempre por uma contra-violência, quer dizer, por uma resposta à violência alheia.

A fé, mesmo quando é profunda, nunca é completa.

Não fazemos o que queremos e, no entanto, somos responsáveis pelo que somos: eis a verdade.

Eu era uma criança, esse monstro que os adultos fabricam com as suas mágoas.

Para saber uma verdade qualquer a meu respeito, é preciso que eu passe pelo outro.

Quando os ricos fazem a guerra, são sempre os pobres que morrem.

No amor, um mais um é igual a um.

Ser-se livre não é fazermos aquilo que queremos, mas querer-se aquilo que se pode.

Ainda que fôssemos surdos e mudos como uma pedra, a nossa própria passividade seria uma forma de ação.

O dinheiro não tem idéias.

Se os comunistas têm razão, então eu sou o louco mais solitário em vida. Se eles estão errados, então não há esperança para o mundo.

Detesto as vítimas quando elas respeitam os seus carrascos.

"O homem não é a soma do que tem, mas a totalidade do que ainda não tem, do que poderia ter."

"Ainda que fôssemos surdos e mudos como uma pedra, a nossa própria passividade seria uma forma de ação."

"O importante não é aquilo que fazem de nós, mas o que nós mesmos fazemos do que os outros fizeram de nós."

"Nunca julgamos aqueles a quem amamos."

"O desejo exprime-se por uma carícia, tal como o pensamento pela linguagem."

"Quando os ricos fazem a guerra, são sempre os pobres que morrem."

"Não há necessidade de grelhas, o inferno são os outros."

"O conceito de inimigo não é completamente certo e claro, a não ser que o inimigo esteja separado de nós por uma barreira de fogo."
Frases, Pensamentos, Jean Paul Sarte
Jean Paul Sarte


"Quando, alguma vez, a liberdade irrompe numa alma humana , os deuses deixam de poder seja o que for contra esse homem."

"Não fazemos aquilo que queremos e, no entanto, somos responsáveis por aquilo que somos."


Postar um comentário

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...